Etiquetas

, , , , , , , , , , , , ,

XKH146463Numa história de Agatha Christie é o desconhecimento de uma personagem sobre quem foi Páris, herói troiano, confundindo-o com a cidade de Paris, que leva à solução do mistério policial.

00 Peter Paul Rubens - O Julgamento de Páris - 1639Na verdade, suponho, poucos serão os que hoje, perante uma pintura que represente O Julgamento de Páris, saberão descodificá-la e de que trata a representação. 000 Joachim Wtewael - O Julgamento de Páris

Para começar, nesta história Páris não é réu mas sim juiz. E juiz da beleza feminina. 01 Jean Baptiste Regnault - O Julgamento de Páris - 1820

Então a história, qual é? 1 Eduard Lebiedzki - O Julgamento de Páris - 1906

Páris, filho de Príamo, rei de Tróia, renegado pelo pai, de forma variada consoante as fontes, cresceu entre pastores, e adulto regressou a Tróia, sendo a sua identidade revelada. O episódio da lenda de Páris que hoje me interessa é o julgamento que terá estado na origem da guerra de Tróia.

02 Luca Giordano 1681-83Os deuses encontravam-se reunidos para celebrar as núpcias de Tétis e Peleu. Éris (a Discórdia) lançou para o meio deles uma bola de ouro, dizendo que deveria ser entregue à mais bela das três deusas: Atena, Hera e Afrodite. No Olimpo ninguém queria a responsabilidade da escolha e Zeus ordenou a Hermes que conduzisse as três deusas junto de Páris, e este julgaria a questão.

9 Joachim Wtewael - O Julgamento de Páris (2)Na presença de Páris cada uma das deusas expôs os seus argumentos para ter direito à bola de ouro. Cada uma prometeu-lhe dons especiais se decidisse a seu favor: Hera entregava-lhe o domínio de toda a Ásia: Atena prometeu-lhe a sabedoria e a vitória em todos os combates; Afrodite limitou-se a oferecer-lhe o amor de Helena de Esparta, lendária beleza por quem Páris, escreve Ovídio, estaria apaixonado . Páris decidiu que Afrodite era a mais bela.

6 Joan de Joanes - O Julgamento de Páris - 1523-1579O episódio conta-o Ovídio numa das Cartas das Heroínas, a carta que Páris envia a Helena. Infelizmente não conheço tradução em português para vos mostrar.

4 Cornelis Cornelisz. van Haarlem -O Julgamento de Páris - 1628Esta é uma lenda para os homens que preferem o amor ao poder, ao triunfo sobre os outros, e até à sabedoria. 2 Hendrick van Balen -O Julgamento de Páris

Sobretudo nos séculos XVI e XVII, ainda que posteriormente não tenha desaparecido da pintura ocidental, o assunto foi tema de variadas pinturas, pois o pretexto era excelente para pintar nus femininos. De entre o acervo que conheço, e obtive imagens de qualidade, deixo uma escolha, e estendo-a até ao inicio do século XX. As características de escola e época estão lá, e como de costume apenas o génio de algum mestre traz o fulgor a um assunto codificado.

3 Pacecco - 1645

4 Carel van savoyen -O Julgamento de Páris

8 Henri Pierre Picou -O Julgamento de Páris - sec XIX

5 Franz Floris

Anúncios