vicio da poesia

Era o mês de Junho e anoitecera quando cheguei a casa, disco de vinil debaixo do braço e a curiosidade espicaçada pela voz desconhecida num reportório de canções de Schubert, algumas conhecidas, outras pouco ouvidas.

Posto o disco a tocar com os cuidados que o vinil exigia, instalei-me para a audição, e  na noite de breu, povoada de estrelas e perfumada de madresilva, surgiu esta voz em lâmina perfurante, fazendo estremecer os sentidos e sangrar a emoção. Até hoje.

A musica fluiu e as canções sucederam-se, com as palavras a ganhar cor, e um rebrilho de cristal nas inflexões metálicas da voz, até ao apogeu com este Der Hirt auf dem Felsen D965 (O pastor sobre o rochedo), quando à voz se juntou o som mágico do clarinete, e dos acordes iniciais em diálogo, avançou para o uníssono final com que termina esta pérola.

Margaret Price (1941-2011) canta…

View original post mais 215 palavras

Anúncios